RESENHA: Dead Tube

Retratação de uma verdadeira Deep Web em forma de mangá…

Retratação de uma verdadeira Deep Web em forma de mangá…

Uma das coisas que mais gosto de fazer além de editar, é fuçar nos mais obscuros lugares procurando mangás desconhecidos que aparecem nas scans Brasileiras e Internacionais. O motivo disso é bem claro, eu gosto de sair à procura de algo que me prenda a leitura, sem contar o fato de que gosto de procurar boas pérolas escondidas que poucas pessoas sabem que existem. Se você é um daqueles que lê todo e qualquer mangá, encontrou a coluna certa.

Hoje irei falar sobre Dead Tube, um mangá chocante onde se tem todos os tipos de depravações, uma mais chocante que a outra. O autor Yamaguchi é um mestre em histórias violentas. Ele busca te impactar em cada trama nova, um ponto negativo bastante comum nesse tipo de gênero pois a leitura acaba se tornando cansativa por não haver mais aquele ar de surpresa sobre o que mais pode vir pela frente.

Pinhead versão Dead Tube…

Dead Tube tem sua história focada em personagens bizarros e violentos, possuindo cenas de gore, sexo, estupro e quebra de psicológico. Não aconselho a leitura para as pessoas mais sensíveis com esse tipo de conteúdo chocante.

A história começa introduzindo Machiya, membro do clube de cinema na escola onde estuda. Ele então é desafiado por Mashiro a filmá-la por um dia inteiro, durante suas atividades diárias, refeições e até mesmo em momentos mais íntimos. Como todo prota de mangá, ele é meio inocente e relutante com a proposta até certo ponto.

Com o passar do tempo, e mais seguro com o trabalho de filmar a nossa linda colegial gostosa, chega o momento em que a máscara cai, numa noite que Machiya não imaginava. Nesse ponto da história Yamaguchi já deixa claro a pegada de sua obra, personagens totalmente violentos e psicóticos capazes de todo tipo de atrocidade por views e uma boa grana.

Horror psicológico…

Nossos protagonistas lembram muito o casal de Mirai Nikki, Mashiro é uma lunática igual a Yuno, o que difere um pouco essas obras e o fato do Machiya não ser uma pessoa correta, ele também tem um lado escroto e doentio que com o passar do tempo vai se aflorando. Ele não se importa em gravar outras pessoas morrendo, sendo torturadas ou estupradas. Já Mashiro, é ainda pior, ela cria e produz todos os tipos de situações bizarras não ligando para absolutamente ninguém, exceto Machiya.

Dead tube se trata de um jogo onde as pessoas se inscrevem numa plataforma similar ao Youtube onde elas postam os conteúdos mais violentos e sem escrúpulos que nos lembram muito a Deep Web.

Cenobite versão Dead Tube…

Dead Tube é uma obra indispensável para todos os amantes de gore, as narrativas são bastante impactantes com muita violência e outros elementos que vão te prender a cada capítulo da obra.

Créditos desta edição.